Curso de Fotografia forma profissionais conceituados

Com cursos profissionalizantes de diversas áreas, o Senac também é referência em alguns setores. Fotografia é uma delas. O curso de fotografia do Senac forma a mais de uma década profissionais conceituados. É uma boa dica tanto para quem quer começar a praticar para conhecimento pessoal como quer se tornar mão de obra no setor. Saiba mais!

Cursos de Fotografia pelo SENAC

O Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial, mais conhecido por sua sigla Senac, é uma escola profissionalizante com mais de 50 anos no mercado. Foi uma das primeiras também a montar um curso completo de fotografia com certificado e em muitas cidades a única opção dos interessados na profissão.

Os alunos interessados contam hoje com diversos tipos de cursos do Senac 2019 CE voltados para o tema. O mais procurado e tradicional é fotografia básica com certificação e curta duração. As opções mais recentes são bachareladas Na Faculdade Senac, tecnologia em fotografia para quem deseja trabalhar em laboratórios e alguns cursos livres.

Cursos de curta duração – Os cursos livres do Senac são de curta duração e com temáticas mais focadas como edição de imagem, publicidade, história e estudo da imagem, ensaios, fotos de eventos, revelação de foto em filme, iluminação, dentre outros temas. Funcionam como pequenas oficinas e podem durar de apenas um turno a alguns dias, mas poucas vezes meses.

O que você aprende em um Curso de Fotografia?

Exclusivamente com aulas presenciais, o curso técnico de fotografia do Senac é um dos mais procurados por ser um dos mais completos para o profissional. O conteúdo programático é dividido entre teoria e prática, com aulas sobre a história da fotografia, os principais nomes do setor e como chegamos ao equipamento que temos hoje. O aluno vai conhecer um pouco mais da trajetória da arte que com menos de 100 anos se tornou completamente digital.

Todos os cursos de fotografia (e não apenas do Senac) são muito mais práticos que teóricos. Já na primeira aula há o contato com o equipamento para conhecer conceitos básicos de abertura de diafragma, velocidade do obturador, a regra dos terços e outros ensinamentos importantes para uma boa foto.

Cursos livres de fotografia do Senac

O curso de fotografia pelo SENAC RJ completo deixa o aluno capacitado para fazer cliques dos mais diversos eventos ou uso pessoal em viagens. Mas como há sempre um a desejo de aprender ainda mais as oficinas ajudam neste ponto com cursos focados em temáticas diferenciadas.

No entanto vale separar: o curso técnico ou de graduação em fotografia vai da teoria à prática. Os cursos livres parte do pressuposto que o aluno já sabe fotografar e está apenas aprimorando conhecimento. Não há ensinamentos básicos de como ligar a câmera, ângulos e temas do tipo.

Como Fazer um Curso de Fotografia pelo SENAC?

Os interessados devem procurar a unidade Senac mais próxima de sua residência. Para saber os endereços e telefones para contato basta acessar o site da instituição clicando aqui. O valor da matrícula varia de acordo com o curso e duração. Os alunos recebem material didático e certificação ao final.

Dúvidas frequentes sobre o pagamento do IPVA

Mal o povo se recupera dos gastos das festas de fim de ano e o novo ano já traz com ele os impostos. E para quem possui veículo próprio não dá para fugir do IPVA, o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores.

Logo no começo do ano, janeiro, as faturas dão o ar da graça, além do IPVA é necessário efetuar o pagamento do Seguro Obrigatório, o DPVAT.

O DPVAT 2019 SP é o Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres. É importante o pagamento do mesmo, pois ele garante indenização em caso de acidente de trânsito que resulte em morte, invalidez permanente e reembolsa despesas médicas e hospitalares comprovadas.

Muitas pessoas têm muitas dúvidas a respeito do IPVA, então vamos esclarecer algumas delas:

– Qual o valor?

O valor do imposto é determinado por alíquota sobre o valor do veículo, o Estado define essa alíquota. No Brasil os valores variam entre 1% e 4% do valor de venda do veículo que é determinado pelo FIPE (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas).

Para a infelicidade de muitos, Rio de Janeiro e São Paulo são os estados onde o IPVA é mais caro.

O site do DETRAN fornece o valor do seu IPVA, basta digitar o número do RENAVAN (Registro Nacional de Veículo Automotor), informando seu respectivo Estado.

– Quando pagar?

Cada veículo possui uma data diferente de acordo com o número da placa e Estado de origem. Você pode conseguir um desconto de 3% no Estado de São Paulo se efetuar o pagamento do IPVA a vista em fevereiro, ou você pode optar pelo valor normal em 3 vezes, sendo a primeira em janeiro. Em outros Estados esse desconto pode chegar até 27%.

– Local de Pagamento:

O pagamento pode ser feito nas agências bancárias, caixas eletrônicos e até pela internet. É necessário possuir somente a informação do número do RENAVAN.

2015 é um ano que pagar o IPVA está mais em conta, o valor está 4,2% menor que o ano anterior, devido à queda do preço venal dos automóveis usados.

Como Consultar o Saldo do seu Abono Salarial

Saber o número do PIS é fundamental para qualquer cidadão que receba algum tipo de benefício social, afinal, com o número do PIS é possível consultar o seu FGTS, Seguro Desemprego, Bolsa Família e também o benefício do abono salarial PIS/PASEP.

Se você não sabe, é possível consultar o número do PIS pela internet, a consulta é gratuita e muito fácil de ser realizada. O PIS (Programa de Integração Social) foi criado pela lei complementar 07/70, que visa beneficiar empregados de empresas privadas.

Como Descobrir Número do PIS

É possível descobrir o número do seu PIS de diversas maneiras, uma delas é na sua carteira de trabalho, no verso da página que contém sua foto é possível visualizar o número do seu PIS. Além disso, se você possui o cartão cidadão ou o cartão do Bolsa Família, pode encontrar essa informação impressa na frente do seu cartão.

Passo a Passo para Descobrir Número pela Internet

Caso não seja possível descobrir o número do PIS das formas já citadas nesse artigo, você pode consultar o número do seu PIS pela internet, para isso, você precisa ter em mãos o seu CPF, RG, seu nome completo, data de nascimento e nome da mãe completo. Com essas informações em mãos, basta acessar o site http://www.dataprev.gov.br/servicos/cadint/cadint.html, apontar o mouse na opção inscrição e clicar em filiado.

Em seguida você precisa preencher com os dados citados anteriormente, logo após clicar em continuar, uma barra de notificação aparecerá contendo o número do PIS, basta anota-lo e fechar a página.

Com esse procedimento agora ficou muito mais simples consultar o número do seu PIS, diversas pessoas não conhecem esse procedimento e perdem muito tempo procurando essa informação. O PIS tem sido cada vez mais importante para questões de benefícios sociais e até mesmo emprego, com o número do PIS é possível consultar o saldo do PIS, por isso, guarde muito bem essa informação e use esse passo a passo sempre que precisar.

Benefícios destinados a trabalhadores de empresas públicas e privadas

O PIS e o PASEP são benefícios semelhantes que têm a mesma finalidade, a diferença é que um é destinado aos trabalhadores de empresas do setor privado (PIS) e o outro para trabalhadores do setor público (PASEP).

O PIS, Programa de Integração Social, e o Pasep (Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público) são um dos benefícios mais importantes do trabalhador, pois eles são pagos anualmente, o que faz deles um abono salarial parecido ao 13º salário.

Porém para receber o PIS e o PASEP é necessário estar dentro de alguns requisitos, como trabalhar de carteira assinada, estar cadastrado no programa e não ter ganhos mensais maiores do que dois salários mínimos em vigência. Se você chegou até aqui é porque está interessado em consultar a tabela de pagamento do PIS e do PASEP referentes ao ano de 2019, certo? Então continue lendo, vamos explicar tudo a seguir!

Tabela do PIS Oficial Caixa

Em 2019 o PIS/PASEP irá passar por algumas modificações em relação a sua tabela de pagamento, uma vez que para poder receber o valor integral do benefício será necessário ter exercido atividade remunerada por 12 meses, no mínimo. Quem exercer de 30 dias a 11 meses receberá valores correspondentes ao período de trabalho. Qualquer trabalhador brasileiro que possua registro em carteira tem direito ao PIS/PASEP, porém é necessário atender aos requisitos abaixo:

  • Ter registro no PIS há pelo menos cinco anos, além de ter trabalhado de carteira assinado por cinco ou mais.
  • Ter trabalhado com carteira assinada por um período mínimo de seis meses seguidos.
  • A média de todos os salários recebidos mensalmente não pode ultrapassar o valor de de dois salários mínimos.
  • A partir de 2019 o valor do benefício será proporcional ao tempo de carteira registrada, semelhante ao que já acontece com o 13º salário.

O valor do PIS 2019 será creditado diretamente na conta do trabalhador, na Caixa Econômica Federal e o do Pasep direto na conta do Banco do Brasil. De acordo com as novas regras do PIS/PASEP o tempo mínimo de trabalho para recebimento do benefício é de seis meses. Confira abaixo a tabela do ano de 2019:

  • 6 meses: Tem direito a receber meio salário mínimo
  • 7 meses: Tem direito a receber 7/12 de um salário mínimo
  • 8 meses: Tem direito a receber 8 / 12 de um salário mínimo
  • 9 meses: Tem direito a receber 9 / 12 de um salário mínimo
  • 10 meses: Tem direito a receber 10/12 de um salário mínimo
  • 11 meses: Tem direito a receber 11 /12 de um salário mínimo
  • 12 meses: Tem direito a receber 12 /12 de um salário mínimo

Como Consultar o PIS/PASEP 2019

A consulta do PIS 2019 pode ser feita de várias maneiras, pela internet você precisa acessar o site da Caixa Econômica Federal e se cadastrar no internet banking, será necessário informar dados pessoais como CPF, RG, e o número do PIS, aquele que está no verso do cartão do cidadão ou na carteira de trabalho.

Depois do cadastro bastar realizar login e ter acesso a todos os seus extratos e valores para saque do PIS. O cadastro só é realizado para o primeiro acesso, por isso guarde o seu login e senha.

É possível consultar o PIS/PASEP pelo telefone, ligue no 0800 726 0207 de segunda a sexta de 8h às 22h, é preciso informar o número do benefício para realizar a consulta. Caso prefira o benefício pode ser consultado na própria agência da Caixa Econômica Federal.

Calendário PIS/PASEP 2019

O Calendário do PASEP 2019 ainda não saiu, mas você pode conferir o calendário de 2019 para conhecer o funcionamento de pagamento, que é realizado de acordo com a data de nascimento do beneficiário. O limite máximo para o recebimento do benefício é 30 de julho, independente da data de nascimento.

Prazo para garantir descontos no Imposto Predial termina no próximo mês

O IPTU NITERÓI 2019 será pago dentro em breve, pois é no primeiro semestre do ano que a Prefeitura começa o recebimento desse imposto. Valor do IPTU NITERÓI 2019 varia conforme o imóvel que o contribuinte tem registrado na cidade, logo, não temos um custo único para todos.

IPTU NITERÓI

Ao emitir a guia do IPTU 2019 você pode conferir essas e outras informações referentes a esse imposto. Para o exercício de 2019 ainda não temos documento disponível para emissão, mas dentro em breve teremos mais informações sobre, pois está sendo organizado pela Prefeitura.

  • Informe-se também sobre IPTU Uberaba 2019!

EMISSÃO DA GUIA DE PAGAMENTO

Com toda facilidade do mundo a emissão da guia do IPTU RJ 2019 pode ser feita pela internet. O que proporciona a você mais facilidade no dia a dia, não tendo assim que ir até a unidade de atendimento presencial.

Economize seu tempo e faça a emissão pela internet, abaixo você pode conferir como efetuar através das informações dadas, veja como é que funciona:

  • Site Secretaria da Fazenda de Niterói: www.fazenda.niteroi.rj.gov.br
  • Informe o número da Inscrição Municipal e clique no botão Entrar.
  • Para emitir a do IPTU NITERÓI 2019 guia você vai precisar apenas informar o número da inscrição municipal, caso você não tenha essa informação procure em qualquer documento anterior que vai constar.

Caso você não encontre aí sim terá que ir até a Prefeitura para emitir.

PAGAMENTO DE IMPOSTOS

Pagamento do IPTU NITERÓI 2019 pode ser feito de duas formas, para que facilita para a vida do contribuinte, portanto, é necessário escolher qual a melhor maneira de você ficar em dia com esse imposto.

Atualmente essas são as formas de pagamento oferecidas:

  • pagamento em cota única: o contribuinte ganha um desconto desde que pague dentro do vencimento;
  • pagamento parcelado: não tem desconto, mas também não incide juros no parcelamento.

Essas são as formas de pagamento disponibilizadas para que você possa efetuar ficar em dia com suas obrigações. Lembre-se que esse imposto é obrigatório e anual, logo, dá tempo de nos organizar para pagar sem que isso comprometa nosso orçamento.

Vencimento do IPTU NITERÓI 2019 ocorrerá no primeiro semestre do ano.

ENDEREÇO E TELEFONE DA PREFEITURA DE NITERÓI

Endereço e telefone da Prefeitura de Niterói servem para que você entre em contato e tire suas dúvidas. Por telefone mesmo você consegue um contato mais rápido, mas ele é indicado para dúvidas pequenas.

Seguem os dados de contato com a unidade, o funcionamento é em horário comercial, e de segunda a sexta:

  • Endereço da Prefeitura: R. Visc. de Sepetiba, 987 – Centro – RJ – 24020-206;
  • Telefone: (21) 2613-5586.

Entre em contato das 08h às 18h pois é o horário de funcionamento da Prefeitura de Niterói.

Plataforma virtual prepara estudantes para provas

Química é uma das matérias mais odiadas pelos alunos. No entanto, é necessário saber química para fazer a prova do ENEM. Continue lendo e aprenda mais sobre soluções ácidas e básicas.

Para realizar a prova do Encceja 2019 também é preciso ter conhecimento em química, esse exame foi criado para que jovens e adultos possam concluir o ensino fundamental e médio, já que o Enem não possui mais está função.

As inscrições Encceja podem ser realizadas todos os anos através do site oficial do MEC, por meio do mesmo você terá todas as informações necessárias para realizar o programa.

O site da universidade de Colorado possui diversos recursos didáticos para o aprendizado de ciências exatas – o projeto PHET. Muitos alunos se confundem nos conceitos de ácido e base.

“Ah… ácido é forte e base é fraca!”

“Ácido corroi e base não!”

Ledo engano, pois ambos – tanto o ácido, quanto a base – podem ser fortes e fracos.

Todos eles são medidos em uma escala complicada chamada pH. Aulas detalhadas sobre o cálculo de pH você pode encontrar no Youtube EDU. Aqui vou mostrar um jogo simples e divertido sobre soluções ácidas e básicas, para você entender o fenômeno.

Notas que devem ser atingidas para entrar no ensino superior

Abaixo vamos explicar o que são, como e onde consultar as Notas de Corte Sisu 2019. Confiram:

O Sisu – Sistema de Seleção Unificada foi criado juntamente com o Novo Enem, em 2009. Como o próprio nome já diz, a intenção é unificar o método de seleção nas instituições públicas de ensino superior do país, substituindo assim os tradicionais vestibulares únicos.

A cada nova edição mais instituições foram aderindo ao sistema e atualmente quase que a totalidade das vagas em Universidades e Institutos Federais e Estaduais é oferecida através do Sisu. As seleções dos candidatos são feitas de acordo com o desempenho obtido no Enem – Exame Nacional do Ensino Médio realizado.

No caso do Sisu 2019 valerá a nota do Enem 2018, que será realizado em todo o país no mês de outubro. Após a divulgação do resultado do Enem 2018, previsto para janeiro de 2019, os candidatos poderão consultar suas respectivas notas no boletim de desempenho individual.

Logo após a divulgação do resultado do exame o MEC – Ministério da Educação divulgará o Cronograma do Sisu 2019 completo. O cronograma estabelece e informa aos candidatos os períodos de inscrição no sistema, de matrícula nas instituições em caso de aprovação e também da solicitação para participação na lista de espera.

Durante o período de inscrições do Sisu 2019 será possível consultar as notas de corte de cada curso oferecido pelo sistema. A nota de corte do Sisu é a menor nota dentro de um número estabelecido de vagas para determinada oportunidade. Dessa forma, se são 30 vagas, por exemplo, a nota de corte será do candidato que até aquele momento está na trigésima posição

Estas notas de corte são atualizadas e divulgadas todos os dias durante o período de inscrição, para que os candidatos saibam se têm chances nos cursos que pretendem se inscrever. Dessa forma, para consultar as notas de corte Sisu 2019 será necessário acessar o site oficial, no endereço eletrônico http://sisu.mec.gov.br/, e procurar pela opção desejada, filtrando por Município, por Curso ou por Instituição.

Contribuintes poderão refinanciar multas e juros de ICMS e IPVA

Detran RJ: Confira abaixo todas as informações do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores – IPVA 2019 do Estado do Rio de Janeiro, inclusive sobre consultas no site do Detran RJ – Departamento Estadual de Trânsito.

IPVA 2019
IPVA 2019

O governo do Rio Grande do Sul divulgou as informações detalhadas do IPVA RJ 2019 nesta segunda-feira, 15 de dezembro.

Como já era esperado as regras praticamente não variaram em relação ao último exercício.

O imposto vai ficar mais barato para o motorista gaúcho. O valor do imposto caiu 3,1% em comparação com o ano passado. Para quem não tem multa e pagar até 2 de janeiro, o desconto pode chegar a 27,2%. Serão concedidos descontos para o “Bom Motorista”, o “Bom Cidadão” e também o desconto por antecipação.

No Rio Grande do Sul é concedido desconto para os motoristas que optam pelo pagamento antecipado. Há o pagamento antecipado parcelado e o pagamento antecipado à vista.

O pagamento antecipado à vista dá direito a desconto de 3% e deverá ser efetuado somente até 2 de janeiro de 2019. A partir dessa data será possível obter descontos com o pagamento antecipado parcelado, com vencimentos entre janeiro e março: os descontos são de 3% para a primeira parcela, até o dia 30 de janeiro, 2% para a segunda parcela, até o dia 27 de fevereiro, e 1% para a terceira parcela, até o dia 31 de março.

Proprietários que não optarem pelo pagamento antecipado com descontos entre janeiro e março terão seus vencimentos entre abril e julho, conforme a placa do veículo (veja abaixo).

O desconto do “Bom Cidadão” decorre da participação do contribuinte no Programa da Nota Fiscal Gaúcha. O desconto será de 5% para quem possuir 100 notas ou mais, e de 2% para quem tiver de 1 a 99 notas. São computadas as notas de compras realizadas a partir de 01/11/2013 e registradas no sistema até o dia 31/10/2014.

O desconto para “Bom Motorista” é de 10% para quem não teve infrações de trânsito entre novembro de 2013 e outubro de 2014 e de 15% para quem não cometeu infrações entre novembro de 2012 e outubro de 2014.

Os descontos de “Bom Motorista” e “Bom Cidadão” são válidos a todos os contribuintes, independente da forma escolhida para o pagamento.

Maiores informações poderão ser obtidas na Secretaria Estadual da Fazenda ou no site criado especialmente para o IPVA RJ 2019, disponível no endereço eletrônico http://www.ipva.rj.gov.br/.

Novidade: A partir de 2019 não haverá envio de boleto para a casa do contribuinte através dos Correios. O pagamento deve ser feito diretamente nas agências bancárias credenciadas: Banrisul, Bradesco, Banco do Brasil, SICREDI e Itaú Unibanco.

Motoristas que não pagaram seguro obrigatório neste ano estão descobertos

Sinistro é a designação comum para a ocorrência de acidentes, dentro do sistema normativo da SUSEP, e por extensão entre as corretoras e seguradoras, que ocorrem nos bens segurados. A termologia se aplica não somente a automóveis, mas pode também ser empregado para qualquer objeto segurado danificado (um aparelho eletrônico e tecnológico, por exemplo).

Resultado de imagem para transito

A ocorrência do sinistro aciona a seguradora que, segundo as características escritas na apólice e das situações que o acidente ocorre, fazem o ressarcimento que a cobertura lhe oferece. Tem-se a seguir a explicação mais detalhadamente de como esse termo funciona, a sua serventia e a explicação do funcionamento do mecanismo básico, utilizado pela grande parte das seguradoras, em caso de acidentes.

Além do seguro do veículo, que é opcional, existe o Seguro Obrigatório DPVAT 2019, o qual deve ser pago obrigatoriamente todos os anos. Esse imposto pode ser pago junto ao IPVA, e é utilizado em casos de acidentes de trânsito.

Como funciona o Seguro Obrigatório

Como dito anteriormente sinistro é a parte da termologia normativa utilizada para denominar as mazelas que causam perda (parcial ou total) do objeto segurado, elas não se atêm somente a acidentes provocados por forças não humanas, como danificação pôr fogo, fumaça, explosão, alagamento, terremotos e etc.

A termologia se aplica também a roubos qualificados (ou seja, roubos a mão armada, ou, pelo menos, que possua ameaças), colisões entre veículos e etc. O termo possui a serventia de especificar as coberturas oferecidas por corretoras e seguradoras, e também para a avaliação do valor que será reposto por perda do objeto sinistrado.

O ressarcimento do valor (integral ou parcial) só ocorrerá se o sinistro estiver especificado como cobertura na apólice, e também se faz necessárias documentações que provem o sinistro (como o Boletim de Ocorrência policial no caso de furtos, por exemplo).

Em caso de acidentes, o mecanismo básico para a obtenção do ressarcimento começa pelo acionamento do corretor (ou da agência de corretores) que intermediou o contrato, ela explanará as documentações e medidas a serem tomadas. Lembrando é que muito comum o pedido de se manter intocável o bem sinistrado, para avaliações vindouras.

É relevante destacar que a liquidação do valor só é feita quando terminado o procedimento de vistoria e é possível que não se liquide o valor total do produto, mas sim uma quantia parcial, mediante processos legais e documentações normativas. Ocorre dentro das seguradoras a divisão de perdas por sinistros: total (mais de ¾ de perda) e parcial (que, consequentemente se encontra abaixo dessa porcentagem). Consequentemente existe a implicação desse fator na liquidação do bem, mas como dito anteriormente à apólice que especificará as normas e coberturas oferecidas.

As coberturas contra mazelas e sinistros para maior conforto do segurado sobre determinado bem ou operação (como transportes) é o fundamento das seguradoras. Existem diversos tipos de sinistros, por isso faz-se fundamental a aquisição de seguros sobre bens de valor.

A vítima do acidente, seja ela pedestre, o próprio motorista do veículo ou ainda outros condutores, tem direito a uma indenização para cobrir os valores utilizados com despesas médicas. O DPVAT 2019 RJ não é diferente, todos os estados precisam realizar o pagamento desse imposto em dia, caso contrario podem levar multas e até mesmo perder a Carteira de Habilitação, por isso, fique atento!

PSOL define que deputado Raul disputará a reeleição Deputado estadual

PSOL define que deputado Raul disputará a reeleição Deputado estadual era cogitado para ser candidato a governador 2018 pelo PSOL O deputado estadual Raul Marcelo (PSOL) vai concorrer à reeleição a Assembleia Legislativa. A informação foi passada nesta segunda-feira pelo parlamentar ao BOM DIA.

Havia a possibilidade de o deputado concorrer ao governo do Estado com a escolha no sábado do ex-deputado constituinte Plínio de Arruda Sampaio como seu pré-candidato à presidente, “Mas meu grupo decidiu que devo disputar a reeleição”, comentou Raul Marcelo

Sobre o racha que houve no partido, já que a ex-senadora Heloisa Helena não participou do evento, Raul Marcelo disse que agora é questão de conversa.

“Os outros dois candidatos, Martiniano Cavalcanti [apoiado por Heloisa Helena] e o ex-deputado federal Babá, se retiraram da disputa. Agora a questão é unir novamente o partido”, acredita ele. Sobre o nome do pré-candidato ao governo de São Paulo, Raul Marcelo disse que deve ser definido está semana.

“A escolha deve ser do professor Chico Oliveira.” Coligação será a mesma de 2006 De acordo com o deputado Raul Marcelo a coligação entre partidos deve ser a mesma de 2006.

“Vamos fechar a chamada frente de esquerda com o PCB (Partido Comunista Brasileiro) e o PSTU (Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado)”, afirmou. Segundo Raul Marcelo é preciso manter a coerência. “Não podemos fazer coligação com partidos com ideologias diferentes”, conclui.

Deputado estadual era cogitado para ser candidato a governador 2018 pelo PSOL

O deputado estadual Raul Marcelo (PSOL) vai concorrer à reeleição a Assembleia Legislativa. A informação foi passada nesta segunda-feira pelo parlamentar ao BOM DIA.

Havia a possibilidade de o deputado concorrer ao governo do Estado com a escolha no sábado do ex-deputado constituinte Plínio de Arruda Sampaio como seu pré-candidato à presidente, “Mas meu grupo decidiu que devo disputar a reeleição”, comentou Raul Marcelo.

Sobre o racha que houve no partido, já que a ex-senadora Heloisa Helena não participou do evento, Raul Marcelo disse que agora é questão de conversa. “Os outros dois candidatos, Martiniano Cavalcanti [apoiado por Heloisa Helena] e o ex-deputado federal Babá, se retiraram da disputa. Agora a questão é unir novamente o partido”, acredita ele.

Sobre o nome do pré-candidato ao governo de São Paulo, Raul Marcelo disse que deve ser definido está semana. “A escolha deve ser do professor Chico Oliveira.”

Coligação será a mesma de 2006

De acordo com o deputado Raul Marcelo a coligação entre partidos deve ser a mesma de 2006. “Vamos fechar a chamada frente de esquerda com o PCB (Partido Comunista Brasileiro) e o PSTU (Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado)”, afirmou.

Segundo Raul Marcelo é preciso manter a coerência. “Não podemos fazer coligação com partidos com ideologias diferentes”, conclui.